Bate-papos

As conversas serão abertas a quem quiser participar, gratuitas e sujeitas à lotação de 30 pessoas, preenchida por ordem de chegada.


oficina_elrocha

Estúdio El Rocha: Bons sons e bom café desde 1997, com Cláudio Takara

Fundado em 1997 no bairro de Pinheiros (São Paulo) por Cláudio Takara, o Estúdio El Rocha se tornou um nome expressivo quando se fala de engenharia de aúdio e amor pelo que se faz. Responsável por uma grande quantidade de gravações, mixagens e masterizações de bandas alternativas/underground do circuito paulistano e nacional nos anos 90 e 2000, o El Rocha foi criando corpo, chamando atenção de muitos músicos e produtores de vários cantos do país e exterior, e tem hoje uma agenda repleta de solicitações de artistas dos mais diferentes segmentos e seu espaço no mercado.

 

Cláudio Takara é pai de 3 filhos e todos eles estão ligados desde sempre à música e ao estúdio: Fernando Sanches, Mauricio Takara e Daniel Ganjaman. Ele conversará com os presentes sobre a história do El Rocha, curiosidades nessa trajetória e trabalhos realizados.

 

Estúdio El Rocha: Bons sons e bom café desde 1997, com Cláudio Takara
Data: 18 de Junho
Horário: das 15h às 17h
Local: estúdiofitacrepeSP

 


batepapo_iazzeta

Música, mediação tecnológica e experimentação, com Fernando Iazzeta

Durante o século XX, diversos processos de mediação tecnológica provocaram modificações significativas nos modos de criação, difusão e escuta da música. A invenção da fonografia, ou seja, a possibilidade de registro e reprodução sonoros, teve um impacto significativo nas relações entre criação e recepção. Em meados do século, o surgimento de tecnologias eletroeletrônicas gerou um novo ciclo de transformações em que essas tecnologias passaram a afetar diretamente a composição e a produzir reflexos nas poéticas e estéticas musicais. Ao mesmo tempo em que a mediação técnica se instaura nas práticas musicais, proliferaram também as abordagens experimentais de criação e difusão.

Nessa conversa irei traçar uma relação entre os processos de mediação tecnológica e as ações de caráter experimental, os quais deixaram marcas incisivas no território das práticas sonoras.

 

Fernando Iazzetta (São Paulo, 1966) é compositor e professor livre-docente na área de Música e Tecnologia do Departamento de Música da USP. É coordenador do NuSom – Núcleo de Pesquisas em Sonologia onde desenvolve atividades que aliam a prática artística e a pesquisa acadêmica. Graduou-se em percussão pelo Instituto de Artes da UNESP e realizou seu doutorado em Comunicação e Semiótica pela PUC-SP com a tese “Sons de Silício: Corpos e Máquinas Fazendo Música”. Foi pesquisador associado e professor no Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica da PUC-SP de 1997 a 2002. Durante esse período coordenou o Centro de Linguagem Musical (CLM) juntamente com o compositor Silvio Ferraz. Suas composições para diferentes formações camerísticas e meios eletrônicos foram apresentadas em diversos teatros e festivais de música.

Como pesquisador e artista tem explorado formas experimentais de criação artística, a interconexão entre linguagens e a discussão crítica a respeito do papel das tecnologias na arte atual. Entre 1994 e 1995 fez estágio como pesquisador associado no Center for New Music and Audio Technologies (CNMAT) da Universidade da California em Berkeley desenvolvendo pesquisa sobre sistemas musicais interativos (Bolsa CNPq). Em 2003 realizou estágio como pesquisador visitante no Electronic Music Studio da McGill University em Montreal, Canadá (Bolsa Fapesp) e em 2006 no Ircam, em Paris (Bolsa Fapesp). Em 2008 foi compositor-residente no VICC-Visby International Centre for Composers, na Suécia. Foi representante da área de Música no CNPq entre 2011 e 2013 e é coordenador da área de Artes na Fapesp desde 2009. É pesquisador do CNPq e autor dos livros Música: Processo e Dinâmica (AnnaBlume, 1993) e Música e Mediação Tecnológica (Perspectiva, 2009).

 

Música, mediação tecnológica e experimentação, com Fernando Iazzeta
Data: 19 de Junho
Horário: das 15h às 17h
Local: estúdiofitacrepeSP